S/A

Sol Azulay traz no sobrenome o prestígio de toda uma geração na moda carioca. Depois de cinco anos se dedicando à empresa da família - a grife de jeanswear Yes, Brazil - a estilista deixou o desejo pelo novo tomar conta de seu rumo. Com o fim da marca fundada por seu pai, o lendário Simón Azulay, a estilista partiu em vôo solo e montou o atelier À Moda da Casa. Cheio de estilo, o espaço localizado num charmoso prédio em Ipanema, chamava atenção pela decoração e produtos oferecidos. Sol criava peças delicadas, ricas em detalhes e com muita personalidade. Depois do sucesso do atelier, onde pode experimentar e criar livremente, ela decidiu dar um passo maior e mais ousado, colocando literalmente a cara na rua e misturando, objetos, moda, design e etnias – nascia ai a S/A.

Seguindo sua criatividade latente e um caminho natural, Sol assumiu o valorizado ponto do Fórum de Ipanema, uma das mais poderosas vitrines da galeria. Seu novo empreendimento, a Sociedade Anônima é um verdadeiro liquidificador de estilos onde tudo é permitido. Muita variedade e pouca quantidade, o que garante a exclusividade das peças garimpadas por ela. A loja não tem coleções definidas sazonalmente como vemos no mercado, praticamente toda semana chegam novidades. Que pode ser macaquinhos modernos para bebês, vestidos retrôs da linha infantil, objetos de decoração, toy art, peças orientais e étnicas, acessórios para todos os gostos, roupas exclusivas assinadas por Sol e os artigos eróticos que são um sucesso. Outro fato que impressiona, além do mix de produtos é a variedade de preços para todos os bolsos. A grife é conhecida como um lugar ideal para dar presentes ou para ocasiões especiais. É impossível sair de lá de mãos vazias.

Com vocabulário próprio, Sol junta de forma única todas as referências e historinhas existentes na S/A. Vini Kilese, hairstylist e amigo inseparável de Sol, tem um mezanino supermoderno na loja, para atender suas clientes, tanto corte quanto maquiagem, sempre com hora marca. Para contextualizar esse mis-en-scene cultural, a arquitetura fala a linguagem globetrotter da estilista. A decoração do espaço é um detalhe a parte que chama a atenção de que passa pela rua. Seja pela vitrine sempre dramática montada na frente da loja ou pelo espírito inovador e sofisticado existente lá. Essa é a atmosfera contagiante da Sociedade Anônima.

serviço
Sociedade Anônima
Loja - Rua Visconde de Pirajá 531 - Fórum de Ipanema 55 21 3201 2064

Um comentário:

beatriz disse...

SOL,
terceira tentativa!acho que você não teria assim tantttttta paciencia!jajajajaja
bom amada, al fim a gente se faz a ilução que podera te achar em algum lugar!......muito bom !te desejo muuuiiita merda!,e sabe que e verdadeiro sou a tua fa!TOTAL!........amo o que você faz e a tua loja?e a minha segunda casa!bom que poderei te encontrar no blog!.......tanto talento assim, deve ser mostrado em masa!
beijos muitos Beatriz(piscina)